Business Week 
Image
Business Week Image

Why Linux is Better


Install Linux

Tudo bem, então você decidiu trocar pro Linux. Você não vai se arrepender!

Se você quiser manter o Windows no seu computador (é recomendado, no caso de você mudar de ideia, ou no caso de você encontrar coisas que só funcionam no Windows), o Windows precisará dividir um espaço no disco com o Linux. Então, toda a vez que seu computador ligar, você escolherá se quer iniciar no Windows ou no Linux.

Você tem que primeiro fazer um backup de todos os seus arquivos. É extremamente importante. Não se sabe o que poderá dar errado. Não, sério, eu não tô brincando. Faça um backup dos seus arquivos, pegue Cds virgens, um outro HD, independentemente, mas faça um backup dos seus arquivos.

Daí então você tem que desfragmentar seu HD. Agora, todos os seus dados estão espalhados (o Windows não faz isso muito bem, o Linux faz muito melhor). Depois de desfragmentar (isso pode levar algumas horas dependendo do tamanho do seu disco), todos os seus dados estarão no comecinho do seu HD (pense nisso como uma fita linear, com começo e fim). Se todos os seus dados estiverem lá, o Linux não terá problema em rachar (virtualmente, é claro :)) o seu HD em dois, e instalar-se na segunda parte.

Ok, agora está tudo pronto, agora você precisará escolher qual distribuição Linux você deseja. O Linux vem com um monte de diferentes “sabores”, construídos por diferentes empresas ou companhias, com diferentes conjuntos de software, aparência diferente, e etc. Todos eles são Linux, mas com diferentes “interpretações”. Não é uma escolha óbvia, eu não posso te ajudar nessa (geralmente, as pessoas costumam discutir sobre qual distribuição é melhor). No entanto, aqui estão quatro das mais populares distribuições, classificadas pelo site distrowatch.com :

Quando você tiver escolhido uma distribuição, faça um download da(s) imagem(ns) de CD(s), grave-a(s) num(ns) CD(s), insira-o no drive do CD, e reinicie seu computador. Seu PC usará o CD para iniciar; se isso não acontecer, sua configuração de BIOS é outra (veja a seção “Experimente Linux...”).

Depois disso, apenas siga as instruções na tela: elas são muito simples na maior parte do tempo!

Viva bem com o Linux!